06/02/2014

Esmaltes – tubinhos adorados!

Vamos saber um pouco mais sobre Esmaltes para unhas. Essa paixão da mulherada pelos tubinhos de tintas coloridas.



Verniz ou esmalte de unha é um líquido que se aplica nas unhas, tanto das mãos como dos pés, com uso normalmente estético, mas também como proteção para as unhas.

Geralmente, é aplicado nos salões de beleza por manicures (nas mãos) e pedicuros (nos pés).

A História do Esmalte para unhas

 “Ao falar sobre esmalte, muitas pessoas logo se lembram do hábito que muitos têm em pintar ou reforçar as unhas através dessa mistura química que pode ser incolor ou multicolorida. As mulheres, em sua maioria, se perdem na infinidade de cores (muitas delas com nomes incompreensíveis) que prometem um visual mais elogioso ou mais antenado. Além disso, vários violonistas empregam o material para que as unhas não quebrem durante uma apresentação.

O uso do esmalte já era uma preocupação
presente no cotidiano das rainhas egípcias.
Apesar de tantos usos na contemporaneidade, o esmalte já integrava o cotidiano da realeza do Antigo Egito. Por volta de 3500 a.C., as mulheres egípcias aplicavam uma tintura de henna preta nas unhas. As cores mais vibrantes ficavam relegadas ao uso da família real e chegavam a despertar algumas preferências entre as rainhas do Egito. Cleópatra tinha uma clara preferência pela tonalidade vermelho-escura. Já Nefertiti tinha mais gosto pelo esmalte de tom rubi.

O mesmo poder de distinção social observado no uso do esmalte entre os egípcios também era perceptível entre os chineses. Em meados do século 3 a.C., o uso de tons vermelhos e metálicos (feitos com soluções de prata) significavam a ocupação de um lugar privilegiado na hierarquia social. Já entre os romanos, a pintura dava lugar a tratamentos com materiais abrasivos que faziam o polimento das unhas.

A tecnologia para o tratamento das unhas ficou relativamente estagnado até o século XIX. Nessa época, os cuidados se restringiam à obtenção de unhas curtas e que estivessem moldadas por uma boa lima. Em alguns casos, as unhas eram ligeiramente perfumadas com óleo e polidas com uma tira de couro. Numa época em que o recato era uma importante virtude, a extravagância dos esmaltes não seria nenhum pouco prestigiada.

Até essa época, uma das grandes descobertas foi a invenção do palito até hoje utilizado para a remoção das cutículas. No começo do século XX, os esmaltes começaram a recuperar espaço com o uso de soluções coloridas que não permaneciam fixadas mais do que algumas horas. Somente em 1925, durante estudos que desenvolviam tinturas para carros, foram descobertas as primeiras soluções que se assemelham com os esmaltes de hoje.

Na sua primeira versão, o produto era de um tom rosa-claro e era aplicado no meio das unhas. Chegando à década de 1930, já podemos notar que a “pintura” nos dedos do pé e da mão fazia muito sucesso entre as grandes estrelas do cinema hollywoodiano, como Rita Hayworth e Jean Harlow. No ano de 1932, os irmãos Charles e Joseph Revlon custearam a invenção de um novo tipo de esmalte, mais brilhante e com um leque variado de tonalidades.
 
Propaganda de esmaltes da REVLON por volta dos anos 1935.
Nas décadas seguintes, vemos que a tecnologia empregada foi se tornando cada vez mais complexa. As unhas postiças parecem como uma boa alternativa de se chamar a atenção sem gastar horas na manicure. Há poucos anos foram disponibilizadas máquinas capazes de imprimir uma imagem digital nas unhas. Difícil é saber onde a indústria da beleza pode chegar a fim de atiçar a vaidade feminina.

Por Rainer Sousa
Fontes: História do Mundo  


Algumas curiosidades


Esmalte masculino


O uso de verniz por homens nunca foi muito popular, embora isso pareça estar mudando nas últimas décadas. Ainda que de maneira discreta, os homens começam a explorar um território tradicionalmente feminino. Em meados da década de 2000, uma empresa brasileira lança uma linha especial de esmaltes para o público masculino. O esmalte masculino tende a ser fosco, e tem uma aparência menos brilhosa e menos chamativa do que os esmaltes femininos.
Paul Stanley da banda KISS  /  Dee Snider da banda Twisted Sister 

Alguns homens, no entanto, principalmente fãs de rock’n’roll, costumam usar esmaltes de cores escuras ― especialmente o preto ― desde os anos 1970. Astros do rock como Ozzy Osbourne e Slash aparecem frequentemente com as unhas pintadas. Outras celebridades como Johnny Depp e Seal também são adeptos do uso do verniz.

Ozzy Osbourne
Johnny Depp


Esmalte em gel

Com uma nova tecnologia, pesquisadores conseguiram criar um tipo de esmalte em gel, capaz de durar até 15 dias. O inconveniente deste tipo de esmalte é que, com o crescimento das unhas cria-se um espaço sem a cobertura do esmalte. Contudo, para mulheres que tem dificuldade em manter o esmalte bonito devido ao contato com objetos que estragam a pintura do esmalte, este tipo de esmalte é muito recomendado.


Nail Art

Nail Art é um conceito de estética, no ramo da manicure, que visa o design de unhas, usando técnicas e recursos específicos para fazê-lo, que podem ir desde os normais vernizes de unha até às purpurinas, ou outros produtos. É grande moda nos Estados Unidos da América e na Europa. Normalmente é usada em extensões de unha, como unhas de gel, ou de porcelana, embora possa ser feita mesmo na unha natural.
Nail Art


Como surgiu o costume de pintar as unhas?

As primeiras unhas pintadas surgiram provavelmente na China, por volta de 3 000 a.C. As cores do "esmalte" estavam relacionadas com a posição social do indivíduo - homem ou mulher. Durante a dinastia Chou, no século 7 a.C., apenas os membros da família real podiam usar uma pasta dourada ou prateada na unha - as cores reais mudariam mais tarde para vermelho e preto. Ao redor do ano 30 a.C., pintar as unhas era moda também entre os egípcios, que mergulhavam os dedos em tintura de hena. Mulheres das classes menos favorecidas só estavam autorizadas a pintar as unhas com tons claros.

No reinado de Cleópatra, por exemplo, só ela podia usar vermelho para colorir sua unha. Desobedecer à ordem dava punição severa - às vezes, até morte.

Os primeiros esmaltes eram feitos de uma mistura de goma arábica, cera de abelha, clara de ovo e gelatina. Hoje, o esmalte é uma variação da tinta usada em pintura de carros. "Antes da década de 20, costumava-se passar óleo nas unhas e depois lustrá-la, hábito que indicava status", afirma Mitsuko Shitara, professora de história da moda da Faculdade Santa Marcelina.



Esmaltes AVON

A Avon empresa de cosméticos americana fundada em 1886 dedicada exclusivamente ao público feminino, já produzia esmaltes para unhas desde o século 19.






A Avon conta com mais de 40 cores a nossa disposição em sua linha de Esmaltes Avon Color Trend, são esmaltes com brilho e longa duração.

A Avon está sempre inovando na confecção de esmaltes e aumentando seu rol de cores, lançou na campanha 3-2014 a Coleção ENTRE NESSA ONDA (veja um post sobre as cores da COPA confira AQUI) com cores alegres e quentes, sugestão para entrar no clima de férias e curtir o verão, veja abaixo:


Preço sugerido= R$ 2,79

Compre em nossa loja virtual Natimus Beauty www.natimusbeauty.com.br

COMENTE PELO BLOG!

39 comentários:

  1. Que legal não sabia que o esmalte surgiu na china e no Egito primeiro em formas e produtos diferentes! Para mim é simples uma coisa da idade atual.
    Adoroo esmaltes é foi muito legal informar de onde veio tamanha inteligencia para deixar nossas unhas cada dia melhores
    http://grazipoemas.blogspot.com.br/
    FB

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Graziele, muito bacana né!! Adoro saber a história das coisas.
      Um beijo.

      Excluir
  2. Uau, que bacana conhecer melhor sobre a história dos esmaltes! Adorei!

    Uma ou Outra | Fanpage | Twitter | Youtube | Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jéssica, tudo bom lindinha!
      Muito bacana mesmo né, adoro saber a história das coisas. Obrigada pela visita.
      Um beijo.

      Excluir
  3. O de morango é uma delícia, viu?! ;)

    Uma vez fiz uma matéria sobre esmaltes. Graças a ela virei uma especialista no assunto! hahaha! Adoro!

    Ótimo sábado, Renata!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Amanda, tudo bem lindona!
      Que bacana que vc tbm já tinha conhecimentos sobre esses tubinhos adorados, lindo demais né, adoroo!!
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  4. FB

    muito interesante eu nao sabia disso *--------* eu sempre achei q o esmalte era coisa do brasil kkkkk bjs
    Blog: http://flyawaygo.blogspot.com.br/
    Nome de seguidora: Ana Carolina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana,
      muito bacana a gente saber a história das coisas né!
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  5. Super interessante conhecer sobre a história de um produto que a gente sempre tem nas mãos! Adorei.
    Não curto homem de unha pintada (colorida) ...
    A Avon ,pioneira, cada vez inovando mais . Muito bacana seu post.
    BJ
    FB
    www.soultodamulher.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiê!
      Ah menina eu tbm não curto homem de unhas pintadas, prefiro ao natural, mais másculo ahaha E avon sou super fã dos produtos e adoro vendê-los, bom demais!!
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  6. Uau, que postagem ótima! Cheia de informações, bem completa! Parabéns pelo grande esforço para trazer todo esse conteúdo para os leitores!
    FB http://wewantdreaming.blogspot.com.br/
    Seguidora: Cassy
    Seguidora no Facebook: Cassy C. Deschamps

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cassy,
      muito obrigada lindona, faço esse espaço com muito carinho e fico muito contente que vc gostou.
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  7. Perfeito o post, parabéns pelo blog!
    Beijos

    Thayna Pasquariello - FB
    http://www.decorpenduricalhos.com.br/

    ResponderExcluir
  8. As cores da coleção da avon estão lindas, a pigmentação dela é boa?

    Adorei a história dos esmaltes também... bjs

    FB
    www.giovanaporgiovana.com.br
    (Google/Facebook - Giovana por Giovana )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Giovana!
      Sim, gosto muito da linha de esmaltes Avon Color Trend, há um ano a Avon melhorou a pigmentação está mais densa e duradoura e a aumentou a variedade de cores das coleções. E daqui um mês teremos mais novidades na linha de esmaltes, fui à uma reunião de consultoras na semana passada e pude experimentar as novas cores, ficou lindoo e já lavei louça e nem a pontinha saiu ainda =)
      Farei um posto sobre essa nova coleção.
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  9. Quantas coisas interessantes sobre os esmaltes, algumas eu realmente não sabia, como por exemplo esmalte pra homens, achei que eles usavam os mesmos que nós haha Beijos, Érika *-*

    FB - Quero ser Alice
    www.queroseralice.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Erika!
      Pois é menina, existe sim linhas específicas para homens; eu particularmente gosto de homens sem esmaltes, mas gosto é gosto né!! =)
      Seu blog é lindinho!!
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  10. Nossa, não fazia ideia que o esmalte era tão antigo... Muito interessante este post, adorei!!

    Beijos

    FB - Josiane Padron Roggia
    http://josimacadoamor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Josiane!
      Adoro saber a história das coisas e com o esmalte, que adoro, não seria diferente, legal né!!
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  11. Posso só fazer uma correção??? É que eu sou muito fã de rock, e conheço bastante... kkkk
    Na foto com a legenda "Banda de rock KISS", o da esquerda, com estrela no olho, é realmente integrante do KISS, e nome dele é Paul Stanley. Já o da direita não é do KISS. O nome dele é Dee Snider e ele é da banda Twisted Sister na verdade.

    Ah, fora isso, adorei o post, muito cheio de detahes interessantes, muita coisa legal que eu nem imaginava!!! Parabéns!!!

    bjs, fb http://erikaruggio.blogspot.com.br/



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Erika!
      Nossa amiga, maravilha, muito obrigada pela correção, já editei as imagens corrigindo os nomes dos ilustres roqueiros =)
      E que bom que gostou deste espaço, tento fazer tudo com muito carinho.
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  12. Muito legal, não sabia de muita coisa ai, por exemplo esmaltes masculinos, não sabia que isso existia kk'
    Enfim... Muito interessante! Parabéns! Beijão!
    FB
    http://cupcakeneerd.blogspot.com.br/
    Nome de Seguidor: Jeniffer Tamara

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jeniffer!
      Pois é menina, como eu adoro saber a história das coisas, com o esmalte não seria diferente, muito legal né!
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  13. Nossa eu não sabia disso tudo. Amei, muito bom.
    Beijos!
    FB
    http://dudalisboa26.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Eu nunca fui muito fã de pintar as unhas - mas sou apaixonada por nail art. Acho muuuuito fofo. Se eu fosse um pouco menos chata com isso, e gostasse mais de pintar, eu faria mil e uma nail arts.
    O mais engraçado de tudo isso é que nunca sequer imaginei que Cleopatra pintasse as unhas, por exemplo. É estranho pensar que esse hábito vem de tão longe. Não só esse, como muitos outros.

    Beijos, Luisa
    Degradê Invisível
    FB - Luisa Lopes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luisa,
      eu adoro saber a história das coisas e no esmalte não é diferente, imagine a Cleópatra toda montada na nail art rsrs demais né!
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  15. Eu sou outra que nunca fui fã de pintar as unhas mais adorava ver as unhas das outras meninas feitas e cutículas bem tiradas mas quando eu tentava repetir nas minhas unhas o que saia era uma caca então resolvi ir na manicure, deixei a unha crescer e adorei o resultado! Foi quando conheci a história do esmalte e fiquei de boca aberta ao saber que Cleópatra tem ligação nisto!

    Beijos, Rhay
    Florescer&Crescer
    FB - http://florescerecrescer.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rhay!
      Ah que coisa boa vc se adaptar à manicure, eu tbm gosto mais de ir em manicures, porque não sou boa em tirar a cutícula, me cutuco toda e acabo me machucando.
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  16. Que legal seu post amore!! Adorei! Nunca tinha parado pra pensar na origem dessas belezuras que mexem com a nossa cabeça haha agora essas unhas em ge eu to louca pra fazer gente! Já pensou dias com as unhas impecáveis??? sonho de toda mulher dona de casa! haha
    beeeejo

    beautystopblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna, tudo bem lindinha!
      Que bom que veio aqui me visitar, fiquei contente =)
      Gosto muito de saber a história das coisas e com o esmalte não foi diferente, adoro esses potinhos coloridos (rs) e realmente os esmaltes em gel é uma loucura, lindo e durável. Vale o investimento.
      Um beijão e obrigada pela visita.

      Excluir
  17. Adorei saber a história desse ítem tão amado pelas mulheres

    Pena que sou alérgica e posso usar poucas marcas!!

    Post bem completo, parabéns!!!

    Bjos e sucesso com o blog
    Gabriela Midões
    FB
    http://gabrielamidoess.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabriela!
      Puxa vida que pena mesmo, ser alérgica a essas belezuras é triste, mas ainda bem que existem marcas diferentes né! Mas se vc gosta de pintar as unhas, um diferencial seria então vc usar adesivos, tem uns mais bonitinhos que os outros. Se usar, me conta o que achou tá!
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  18. Que legal, Rê! Apesar de amar esmalte eu não conhecia a trajetória desse produtinho indispensável na vida da mulherada.
    Eu sou fã dos esmaltes do Avon, pode comprovar isso no blog, sempre uso esmaltes dessa marca, além do preço, a durabilidade é ótima.

    Adorei o post.

    Super beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Van, que gostoso receber tua visita por aqui amiga, fiquei muito feliz =)
      Bem vc sabe que amoo história, eu deveria ter cursado História e não Letras e Administração (rsrs) mas minha mãe cursou História e peguei esse amor acho que por causa dela, e então, quando decidi publicar algo com a coleção nova de esmaltes Avon já fui logo buscando a origem desses potinhos deliciosos. Tbm gosto muito dos esmaltes Avon, tenho muuuitos, eu não diria todos pq nem sempre eu gosto de todas as cores, mas a qualidade é ótima. Tenho também esmaltes Mary Kay mas sou 100% Avon ahahaha adoro!!
      Um beijo e obrigada pela visita sua linda.

      Excluir
  19. Muito interessante a história do esmalte!! Não conhecia.
    http://www.mepintando.com.br/
    FB

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Adrienne!
      Muito bacana né!
      Um beijo e obrigada pela visita.

      Excluir
  20. Não conhecia a história do esmalte. E achei muito interessante. Amo esmaltes, tenho muitos. Uso muito os da Avon.
    Beijos Renata Grisi
    FB - http://renatagrisi.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Quem diria que o esmalte tinha um história tão interessante, ótimo texto, os nomes de esmaltes são mesmo muito confusos kkk
    Bjs FB
    commuitochocolate.blogspot.com.br

    ResponderExcluir



Muito obrigada pela tua visita!Se gostou, compartilhe e volte sempre!!Um beijo e muito #sucesso para você =)